Feliz Natal

“Não tenha medo, ó terra; regozije-se e alegre-se. O Senhor tem feito coisas grandiosas!” (Joel 2:21)

 

Na primeira véspera de Natal, não havia luzes coloridas enfeitando as casas. Nem meias penduradas. Era apenas mais uma noite em Belém. Mas a história estava prestes a mudar naquela cidade.
Israel estava vivendo uma época muito assustadora historicamente. Eles viviam sob o rei tirano Herodes, que executava as pessoas à vontade. Além disso, os judeus viviam em território ocupado pelos romanos, que haviam assumido o controle do país. Eles haviam perdido a liberdade e se perguntavam se algum dia seriam livres novamente. Perguntavam-se se toda aquela violência cessaria e se o mundo mudaria.
Então, de repente, anjos apareceram aos pastores e disseram-lhes para não temer; o Messias havia nascido.
Há muito o que temer em nosso mundo instável e volátil de hoje. Parece que a cada passo, ouvimos sobre alguma tragédia horrível acontecendo. Isso pode nos deixar apavorados. Há também os medos pessoais: e se eu perder a saúde? E se eu perder um membro da minha família? E se isso ou aquilo acontecer? Muitas dessas coisas passam pela nossa cabeça, não é mesmo?
A mensagem do primeiro Natal ainda é a mesma para nós hoje: Não tenha medo… Trago-vos boas novas de grande alegria.
Ray Stedman escreveu: “A principal marca do cristão deve ser a ausência de medo e a presença de alegria.” Isso descreve você? O medo é o que o Natal veio remover – e podemos ter alegria em seu lugar.

Via

  • gostei ( )