Quero mais saúde

minha fruteira

Nos últimos meses tivemos bastante aprendizados e lições: se alimentar melhor para proteger a imunidade. Estar em dia com a vitamina D. Fazer exercícios.
Antes da pandemia, eu confesso andava titubeando entre se exercitar e o chamado comer bem.
Lá atrás, começando aos 30 anos mantive a disciplina por bem mais de 10 anos e não comia nada que dizem faz mal pra saúde. Carne vermelha nem pensar. Carne de frango de vez em quando. Caminhava todo dia, estivesse o frio que estivesse em Curitiba. Tinha o peso do sonho feminino e assim foi por muitos anos.
Atualmente mantenho o gosto por menos acúcar e ainda não como carne de vermelha.
Não caminho todos os dias, mas tenho o aplicativo baixado chamado “treino em casa para mulheres” e dou nota 10 para ele, porque é bem amplo (tem para homens também).
Com o passar do tempo é imprescindível cuidar do nosso peso porque as consequências da obesidade são duras…
Deus quer que tenhamos amor próprio e a vida é um dom de Deus para nós.
Bora lá ter cuidado com a vida espiritual, mas também com nossa saúde e bem-estar.

“Porque nunca ninguém jamais odiou o seu próprio corpo,  antes o alimenta e dele cuida.”
Efésios 5:29

  • curti (0)